Os filmes do ano

Joaquin Phoenix em Joker (2019)

A julgar pelos trailers que têm vindo a público, este ano espera vários filmes a entrar directamente para o pódio dos campeões de bilheteira.

 

ROCKETMAN
6 Maio
A biopic de Elton John estreia já no próximo mês. Com assinatura de Dexter Fletcher e Taron Egerton no papel do Rocketman, esta é mais uma biografia em filme, a surgir depois do sucesso de Bohemian Rhapsody.

 

THE DEAD DON’T DIE
14 Junho
Jim Jarmusch já é um nome com o seu público fidelizado, mas o seu novo filme está a gerar buzz por outros motivos. É que, além de ser um filme de zombies, The Dead Don’t Die tem um elenco de luxo: Bill Murray, Adam Driver, Tilda Swinton, Steve Buscemi, Danny Glover, Iggy Pop, Tom Waits… Como diz o teaser, “the greatest zombie cast ever disassembled”.

 

THE LION KING
19 Julho
Cada trailer e cada imagem que são divulgados já deixam antever o sucesso deste remake do clássico da Disney. The Lion King tem imagens tão próximas do original de 1994 que apela às memórias de infância de todos nós, além de um realismo técnico surpreendente.

 

ONCE UPON A TIME IN HOLLYWOOD
26 Julho
O nono filme de Quentin Tarantino está a chegar. No filme, não há uma gota de sangue. Brad Pitt e Leonardo DiCaprio são os protagonistas desta história, que promete transportar-nos para a época dourada de Hollywood.

 

VARIAÇÕES
22 Agosto
Até que enfim que alguém devolve à ribalta aquele que foi um dos maiores artistas portugueses. O filme é de João Maia e só temo a decisão de regravar as músicas de António Variações com a voz do actor que aqui lhe dá vida. Sérgio Praia tem a difícil tarefa de representar o carisma de Variações mas este trailer deixa as expectativas lá em cima.

 

JOKER
4 Outubro
O Joker do Jack Nicholson já lá vai desde que o do Heath Ledger apareceu. Agora, Joaquin Phoenix parece querer limpar a história toda, com uma interpretação que já promete ser memorável.

 

STAR WARS: THE RISE OF SKYWALKER
19 Dezembro
Mais um filme da saga Star Wars? The Rise of Skywalker é mais do que isso, é o regresso das personagens mais queridas dos fãs desta história e uma homenagem póstuma a Carrie Fisher, a eterna Princesa Leia.

Advertisements

30 antes dos 30: Snatch

Snatch. Guy Ritchie (2000)

Como se Guy Ritchie tivesse criado o seu universo temático, Snatch (2000) é a versão melhorada de Lock, Stock and Two Smoking Barrels (1998). Uma segunda oportunidade para o realizador alcançar o filme que realmente queria fazer e, através dele, o reconhecimento que ambicionava. A verdade é que a cópia superou o original e cunhou a visão de Ritchie como um realizador de cadência rápida e humor certeiro. Continue reading

30 antes dos 30: Se7en

Morgan Freeman e Brad Pitt em Se7en

Em 1995, David Fincher precisava de provar que era relevante no mundo do cinema. O texto de Andrew Kevin Walker foi o rastilho de uma carreira onde Se7en ainda é apontado como obra-prima.

David Fincher conta que, depois da primeira apresentação de Se7en, ouviu críticas duras ao filme. Não é difícil imaginar a recepção do grande público a uma história onde um serial killer se inspira nos sete pecados capitais. Mas há melhor ponto de partida do que uma mistura entre os recantos mais escuros da mente humana e as imagens religiosas? Continue reading

30 antes dos 30: Fight Club

Fight Club (1999)

No regresso à lista dos 30 antes dos 30, calhou, desta vez, Fight Club.

Para começo de conversa, é preciso dizer que o marketing deste filme anda errado desde o início. Portanto, desde 1999 que o Fight Club aparece com a carinha do Brad Pitt a fazer de porta de entrada. Até percebo o motivo, ou não fossem aqueles os anos áureos do rapaz. Mas este filme não é Brad Pitt (apesar de estar bem, sim). Este filme é Edward Norton.

Edward Norton tinha acabado de dar ao mundo American History X (1998). Aí, surge como um neonazi obstinado, que oscila entre a obrigação de cuidar da família e o vórtex que é o seu grupo de skinheads, até alcançar o arrependimento final. A suástica tatuada no peito é inesquecível, como também o é a cabeça rapada naquela personagem ajoelhada no chão, com um esgar estampado no rosto. Os braços estão musculados e o olhar é confiante.

Continue reading