50 ways to leave your lover

Esta música apareceu-me em 2013, no editorial de despedida do Pedro Santos Guerreiro, quando deixou o Jornal de Negócios. Não saiu, deixou. Como quem deixa o seu amor.

Desde então, quando tenho deixado os meus amores, ela volta a aparecer-me. Na cabeça, na rádio, numa sugestão do YouTube.

Ontem, apareceu-me em selecção do Samuel Úria, numa edição antiga da Cantina (programa muito recomendável da Antena 3) , onde também se passou Prince depois de Bowie (e George Harrison, porque é sempre preciso haver George Harrison).

She said it grieves me so to see you in such pain
I wish there was something I could do to make you smile again
I said I appreciate that and would you please explain
About the fifty ways

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.